Solicitação de Orçamento

Blog

Blog Empreendedorismo 4 maneiras de identificar um boleto falso

4 maneiras de identificar um boleto falso

Confira agora 4 dicas para não cair no golpe do boleto falso!

| Atualizado em
por Lays Xavier

Boletos bancários são uma das formas de pagamento mais utilizadas, e isso tem despertado a atenção de fraudadores. O golpe ocorre de maneiras variadas, podendo ser através de ataques virtuais que modificam o código de barras original, ou envio de e-mails semelhantes aos dos prestadores de serviços, contendo dados que encaminham o dinheiro para uma conta fantasma gerenciada pelos fraudadores.

Ao observar esse problema, a Construsite Brasil preparou este post para ajudar você a se precaver e não cair em nenhum golpe. Um dos golpes mais comuns que podem afetar empresas ou empreendedores, são golpes de boletos falsos de renovação de domínio de sites.

Veja a seguir 4 maneiras de identificar um boleto falso!

1. Confira números e valores

Observe se os números indicados no boleto são reais. Fique atento ao valor indicado no campo valor documento, o número da Agência e o Código do Cedente. Caso esses números estejam alterados, entre em contato com sua prestadora de serviços imediatamente para a verificação.

Confira também os três algarismos iniciais pois estes números identificam o banco que emitiu o boleto. Essa identificação segue uma tabela da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban).

S2InmrP9-_Dy5livlz198Lp7flKIaLASm8RcWQUK

Fonte: Dental Press

2. Fique atento ao código de barras

O código de barras é único e representa o código numérico, ou seja, digitar aquela sequência de números equivale a representação gráfica do pagamento envolvido. Código de barras apagados ou com lacunas, devem receber atenção, pois isso é um meio de levá-lo a digitar a combinação que encaminhará o valor pago para uma conta não desejada.

S2InmrP9-_Dy5livlz198Lp7flKIaLASm8RcWQUK

Fonte: Dental Press

3. Proteja seus dados

Não forneça seus dados de modo equivocado. Ao entrar em um site, confira a indicação de segurança do seu navegador. Verifique se o site está indicado como seguro, ou seja, que possui Certificado Digital SSL, assegurando que qualquer informação sua trocada com aquele domínio estará protegida.

Veja um exemplo abaixo:

image(137).png

É de extrema importância que você não tenha o costume de fornecer informações confidenciais a sites desconhecidos, faça uso de senhas fáceis ou acesse informações sigilosas em computadores públicos.

4. Entre em contato com sua prestadora de serviço

Ao contratar algum serviço, certifique-se junto ao prestador sobre as taxas, datas de vencimento e métodos da cobrança. Caso a cobrança chegue por boleto via e-mail, verifique qual o endereço que enviou e se é o utilizado pela sua prestadora.

E claro, realize os demais processos de validação do boleto indicados acima para não cair em nenhum golpe virtual.

Observe as informações no seu boleto e se atente ao que foi contratado, para que não haja desentendimentos. Em caso de dúvida por cobranças fora do tempo, valores alterados e endereço de envio duvidoso , entre em contato com a sua prestadora de serviço.

Não tem certeza se o boleto que você recebeu é falso ou não? Você cliente Construsite, entre em contato com o nosso suporte que tiramos suas dúvidas!

Receba o contato de um especialista

Ah! Pensando em te ajudar, a Construsite Brasil desenhou um infográfico com um passo a passo, basta seguir para criar um site realmente vendedor, clique e veja!

Autor:

Lays Xavier | Marketing
Produtora de conteúdo, sonhadora e inspirada.
Apaixonada por itens de papelaria, açaí e música, não sabe como seria a vida caso não houvessem canetas em tom pastel, ou marca-textos coloridos. Cursando Publicidade e Propaganda tem por hobby a confeitaria e a prática de transferir suas ideias em forma de desenhos para as paredes do seu quarto.
Outros posts feitos por Lays Xavier

Comentários:

Orçamento por WhatsApp